Bioplastia Curitiba, Paraná

Procurando por mais informações sobre Bioplastia em Curitiba? Encontre aqui endereços e telefones de hospitais e médicos em Curitiba que podem esclarecer suas dúvidas sobre Bioplastia. Aproveite para conseguir dicas e mais informações com nossos artigos informativos e conhecer os hospitais e médicos de sua região.

Centro Médico Athena
(41) 3323-8480
Rua Desembargador Vieira Cavalcanti 590
Curitiba, Paraná
 
Plasticorp Cirurgia Plástica
(41) 3076-6927
Rua Inácio Lustosa 1009
Curitiba, Paraná
 
Clínica Marigliano
(41) 3257-8000
Rua Panamá 209
Curitiba, Paraná
 
Vivacita Cirurgia Plástica e Medicina Estética
(41) 3262-2313
Rua Schiller 1940
Curitiba, Paraná
 
Clínica Doutor Adel
(41) 3078-5235
Rua Prefeito Ângelo Ferrário Lopes 1183
Curitiba, Paraná
 
Cirurgia Plástica Avançada
(41) 3342-6970
Rua Bruno Filgueira 369 cj 1202
Curitiba, Paraná
 
Clínica Cavalcanti
(41) 3342-7611
Avenida 7 de Setembro 5256
Curitiba, Paraná
 
Clínica Dr Romão Zeki Youssef Cirurgia Plástica
(41) 3092-3308
Rua Desembargador Costa Carvalho 430
Curitiba, Paraná
 
Clínica de Cirurgia Plástica
(41) 3339-4680
Rua Padre Anchieta 1846 s 1001
Curitiba, Paraná
 
Ripo Clínica de Cirurgia Plástica
(41) 3076-7431
Rua Inácio Lustosa 109
Curitiba, Paraná
 

Bioplastia

É um procedimento que visa a aumentar ou devolver o volume de áreas específicas do corpo. Pode ter indicações estéticas (exemplo: malares pouco salientes) ou reparadoras como nos casos de pacientes soropositivos com atrofia de tecido subcutâneo (principalmente na face). Podem ser utilizados materiais  absorvíveis  com o tempo como por exemplo o Voluma da Allergan (ác. hialurônico denso) ou  não-absorvíveis  como Polimetilacrilato (PMA).

Existem diversas correntes a favor e contra na Medicina. Cada profissional tem sua opinião, porém o autor deste site recomenda a utilização moderada, em planos profundos e pequenas quantidades. Injeções próximas à pele e estruturas nobres como cartilagens do nariz devem ser evitadas. A injeção em grandes quantidades também devem ser evitadas, na opinião do autor. Para se ter uma idéia de volume, pequenas quantidades como 2 ou 3 ml em planos profundos da face já oferecem excelentes resultados estéticos. Porém há pessoas injetando 200 ou 300 ml em região glútea, o que não é recomendado por este médico.

Técnicas seguras de injeção (micro-cânulas), preparo e antissepsia corretos devem ser empregados. Como qualquer procedimento médico, está sujeito a complicações e estas têm quer minimizadas independente da substância a ser usada (ác. hialurônico ou PMA).

A bioplastia teve origem nas técnicas tradicionais de preenchimento de pele (ex: ácido hialurônico), todavia se difere destas por utilizar os biomateriais em planos mais profundos (músculo, tecido subcutâneo e osso).

Na forma de microesferas, como implante, o PMMA é utilizado há mais de vinte anos. É obrigatório que o material seja de boa procedência e tenha registro na ANVISA . É de suma importância que a técnica seja aplicada por profissionais competentes, habilitados para isso — nesse aspecto é que deve realmente haver preocupação quanto à segurança.

A aplicação é feita com anestesia local, utilizando-se  micro-cânulas , que reduzem a dor, o edema e o risco de complicações.

Podem acontecer complicações assim como em qualquer cirurgia ou procedimento envolvendo a injeção de algum produto no corpo humano. São raras porém descritas na literatura mundial:

Nódulos e granulomas na região da boca, existem alguns casos. O risco existe pois a textura da boca é diferente e mais delicada, sendo aconselhada a utilização de outros produtos. Hematomas – podem ocorrer, mas regridem em alguns dias. Edemas – também temporários; se necessário são prescritos antiinflamatório e aplicação de gelo local. Eritemas (vermelhidão) – podem ocorrer em alguns pacientes; regridem em dois dias e podem ser disfarçados com maquilagem. Formação de nódulos – desaparecem em até quinze dias. Necrose de nariz. Existem relatos de caso.  Não recomendamos a aplicação de PMA no nariz.