Blefaroplastia (pálpebras) Curitiba, Paraná

Procurando por mais informações sobre Blefaroplastia (pálpebras) em Curitiba? Encontre aqui endereços e telefones de hospitais e médicos em Curitiba que podem esclarecer suas dúvidas sobre Blefaroplastia (pálpebras). Aproveite para conseguir dicas e mais informações com nossos artigos informativos e conhecer os hospitais e médicos de sua região.

Renato da Silva Freitas
(41) 3335-7474
R. Solimões 1154 Merces
Curitiba, Paraná
Especialidade
Cirurgia Plástica

Dados Divulgados por
Cirurgia Plastica Wanderlei
(41) 3014-3314
Al Dr Carlos Carvalho, 655 Sl 2003
Curitiba, Paraná

Dados Divulgados por
Clinica de Cirurgia Plastica DrJorge
(41) 3343-4433
r Euclides Cunha, 588 Bigorrilho
Curitiba, Paraná

Dados Divulgados por
Clinica de Cirurgia Plastica Dra Isabela
(41) 3244-2112
av 7 de Setembro, 4615 an 5 Batel
Curitiba, Paraná

Dados Divulgados por
Graf Cirurgia Plastica
(41) 3021-7700
r Solimões, 1175 Mercês
Curitiba, Paraná

Dados Divulgados por
Carlos Augusto Villegas Chirinos
(41) 3335-1216
Rua Jacarezinho 394 (Ao lado da Torre da Oi)
Curitiba, Paraná
Especialidade
Cirurgia Plástica

Dados Divulgados por
Clinica de Cirurgia Plastica Dr Milton
(41) 3244-5560
av Visc de Guarapuava, 4742 Batel
Curitiba, Paraná

Dados Divulgados por
Antonio Duarte Cirurgia Plastica
(41) 3339-9333
r Des Motta, 3677 Centro
Curitiba, Paraná

Dados Divulgados por
Cirurgia Plastica Dr Paulo
(41) 3336-0868
r Francisco Rocha, 1312 Bigorrilho
Curitiba, Paraná

Dados Divulgados por
Clinica de Cirurgia Plastica Dra Luciana
(41) 3324-1836
r Dr Alexandre Gutierrez, 536 Água Verde
Curitiba, Paraná

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Blefaroplastia (pálpebras)

A blefaroplastia é a cirurgia de retirada do excesso de pele e da correção do volume das bolsas de gordura que dão ao rosto um aspecto de cansaço, com um olhar triste e pesado. Em alguns casos estes tecidos em excesso podem atrapalhar a visão. A cirurgia visa solucionar os problemas estéticos da região ao redor dos olhos.

Em alguns raros casos o problema das pálpebras ocorre devido a fatores clínicos, não estando indicada a cirurgia (ex: edema por hipotireodismo). Cabe ao cirurgião detectar estes casos e indicar tratamentos dermatológicos coadjuvantes (clareamento, laser, Luz Intensa Pulsada, Carboxiterapia, etc.)

A cirurgia dura em média 90 minutos, sendo necessário um período de internação bem curto ou até mesmo sem internação, mesmo que feito dentro do Centro Cirúrgico. Este período é mais longo quando associada a outra cirurgia como o lifting facial.

Qualquer operação possui um risco de complicações, e mesmo que este índice seja baixo, é importante o esclarecimento pré-operatório.

Entretanto, quando a indicação da cirurgia é precisa, a técnica cirúrgica bem executada e os cuidados pós-operatórios seguidos, é raríssimo que ocorram complicações.

Indicações:

Com o passar do tempo, as estruturas palpebrais vão se tornando frouxas, levando a um excesso de pele e a formação bolsas de gordura que ficam sob as pálpebras. Essas alterações deixam um aspecto facial de tristeza e cansaço.

A cirurgia das pálpebras corrige estas alterações ao retirar o excesso de pele e reduzir as bolsas de gordura, restabelecendo assim um aspecto facial mais alegre e descansado.

Entretanto, é importante ressaltar que a cirurgia das pálpebras não proporciona um rejuvenescimento total da face, quando executada isoladamente. O cirurgião plástico apenas melhora a região peri-orbital. O rejuvenescimento facial completo implica em outras condutas associadas.

Anestesia:

A anestesia mais utilizada é local com sedação ou geral se houver associação com outros procedimentos como ritidoplastia ou mamoplastia.

Tempo de Internação:

Pode variar de 2 a 12h dependendo do caso e do tipo de anestesia realizada.

Pós-operatório:

Há formação de edema e de equimoses (áreas roxas) devendo-se utilizar compressas geladas nos dois primeiros dias após a cirurgia. Outro cuidado importante é evitar o calor (banhos muito quentes, cozinhar, etc.). O sol deve ser evitado com uso de óculos escuros e bastante protetor solar.

O resultado definitivo é atingido após o 3º mês, porém duas ou três semanas após já observamos expressivas melhoras. A Drenagem Linfática da região está indicada para diminuir rapidamente o edema e as equimoses.