Cirurgia de Abdominoplastia Curitiba, Paraná

Procurando por mais informações sobre Cirurgia de Abdominoplastia em Curitiba? Encontre aqui endereços e telefones de hospitais e médicos em Curitiba que podem esclarecer suas dúvidas sobre Cirurgia de Abdominoplastia. Aproveite para conseguir dicas e mais informações com nossos artigos informativos e conhecer os hospitais e médicos de sua região.

Lucas Darci Segatti
(41) 9228-9178
Av. Iguacu 820
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Ivan Jose Paredes Bartolomei
(41) 3077-4792
Rua da Paz 195 - Sala 1B
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Aramis Renato Budal Guimaraes
(95) 3132-2245
R Martin Afonso 705
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Irilea Cristina S. Settim
382-2153
R. Joao Angelo Cordeiro 770 - Sala 02
Sao Jose Dos Pinhais, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Cristina Hsin Wei Hsu Cleto
(41) 3035-5321
Rua Mendes Leitao 282
Sao Jose Dos Pinhais, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Aracy de Cassia Pucu Costa Pinheiro
(41) 3013-4976
Av Republica Argentina 452 - Sala 1002/1003
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Grau Clinicenter Pinheirinho
413-0168
R Amintas de Barros 990
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
José Marcos
(41) 3345-4477
Rua Guararapes 2208 - Casa
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Maria Cristina Singer Wallbach
(41) 3283-1154
Rua Dr. Marcelinoogueira 215 - 5ºAndar Sala 23
Sao Jose Dos Pinhais, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Benjamin Nogueira Campos Neto
(41) 3283-3044
Rua Alcidio Viana 837 - Edificio Galeno
Sao Jose Dos Pinhais, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Abdominoplastia

A cirurgia plástica de abdômen é indicada para pessoas que apresentam problemas de contorno abdominal, onde há sobras de pele e de tecido adiposo. Esta cirurgia possibilita a remoção deste excesso de pele e gordura e também a aproximação da musculatura abdominal. A cirurgia oferece uma correção do contorno corporal, com melhora acentuada da silhueta do paciente.

Sendo uma cirurgia que retira determinada quantidade de pele e gordura, evidentemente haverá uma redução no peso corporal. Não são, entretanto, os “quilos” retirados que definirão o resultado estético, mas sim as proporções que o novo abdômen terá com o restante do corpo. É importante ressaltar que o excesso de gordura que possa existir em outras regiões do corpo ainda permanecerá. Recomendamos nestes casos um acompanhamento nutricional.

É importante que os pacientes que estejam acima do peso emagreçam antes da operação. Tabagistas são aconselhados a abandonar o cigarro pelo menos três semanas antes da cirurgia.

Indicações:

A abdominoplastia remodela o abdômen ao retirar o excesso de tecido (pele e gordura) corrigindo também a flacidez muscular concomitante. Não é uma cirurgia para emagrecer e sim para remodelar o perfil corporal. A cicatriz resultante localiza-se horizontalmente na região pubiana, prolongando-se lateralmente em maior ou menor extensão, dependendo do tipo de paciente e da quantidade de pele a ser retirada. Esta cicatriz é planejada para ficar disfarçada sob as roupas de banho.

Anestesia:

Geralmente a anestesia é peridural, podendo ser geral.

Tempo de Internação:

Entre 24 e 48 horas.

Pós-operatório:

O paciente deve ficar com um dreno abdominal para evitar o acúmulo de líquidos. Este será retirado nos primeiros dias do pós-operatório. Indica-se o uso de uma cinta modeladora por pelo menos um mês.

Deve-se evitar esforços e manter uma postura curvada por até 15 dias, para evitar tensão na cicatriz. A recuperação se dá em torno de 30 dias após a cirurgia para atividades diarias normais, e 60 dias para exercícios físicos.

Nos primeiros meses, o abdômen apresenta uma insensibilidade relativa, além de estar sujeito a períodos de “inchaço”, que regride espontaneamente. Uma nova gravidez pode preservar o resultado, se o peso for bem controlado, mas aconselhamos que programe todos os filhos antes de se submeter a uma abdominoplastia.

Nunca se deve considerar como definitivo qualquer resultado antes de 12 meses de pós-operatório. A drenagem linfática feita por profissional habilitado e experiente é fundamental para o desaparecimento do edema e para evitar a formação de fibrose, principalmente quando se associa a lipoaspiração à abdominoplastia.