Osteoartrite Curitiba, Paraná

Procurando por mais informações sobre Osteoartrite em Curitiba? Encontre aqui endereços e telefones de hospitais e médicos em Curitiba que podem esclarecer suas dúvidas sobre Osteoartrite. Aproveite para conseguir dicas e mais informações com nossos artigos informativos e conhecer os hospitais e médicos de sua região.

Ivan Jose Paredes Bartolomei
(41) 3077-4792
Rua da Paz 195 - Sala 1B
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Grau Clinicenter Pinheirinho
413-0168
R Amintas de Barros 990
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Aramis Renato Budal Guimaraes
(95) 3132-2245
R Martin Afonso 705
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Irilea Cristina S. Settim
382-2153
R. Joao Angelo Cordeiro 770 - Sala 02
Sao Jose Dos Pinhais, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Cristina Hsin Wei Hsu Cleto
(41) 3035-5321
Rua Mendes Leitao 282
Sao Jose Dos Pinhais, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Lucas Darci Segatti
(41) 9228-9178
Av. Iguacu 820
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
José Marcos
(41) 3345-4477
Rua Guararapes 2208 - Casa
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Aracy de Cassia Pucu Costa Pinheiro
(41) 3013-4976
Av Republica Argentina 452 - Sala 1002/1003
Curitiba, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Maria Cristina Singer Wallbach
(41) 3283-1154
Rua Dr. Marcelinoogueira 215 - 5ºAndar Sala 23
Sao Jose Dos Pinhais, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Benjamin Nogueira Campos Neto
(41) 3283-3044
Rua Alcidio Viana 837 - Edificio Galeno
Sao Jose Dos Pinhais, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Osteoartrite

Osteoartrite

Definição
A osteoartrite (OA) é o distúrbio mais comum das articulações.
Causas, incidência e fatores de risco
Foto: ADAM
OsteoartriteNa osteoartrite, a proteção (cartilagem) entre os ossos se desgasta nas articulações. À medida que a osteoartrite piora, a cartilagem desaparece e ocorre fricção entre os ossos.
Normalmente, se formam bicos de papagaio ou saliências ao redor da articulação. Os ligamentos e os músculos ao redor da articulação se afrouxam e se tornam mais fracos.
Em geral, a causa da OA é desconhecida. Está principalmente relacionada à idade, mas existem outros fatores que também podem levar à OA.
A osteoartrite tende a ser genética
Estar acima do peso aumenta o risco
Fraturas ou outras lesões nas articulações podem causar osteoartrite futuramente
O uso excessivo a longo prazo no trabalho ou no esporte pode levar à osteoartrite
Entre as doenças que podem causar osteoartrite estão:
Distúrbios de coagulação que causam hemorragia na articulação, como hemofilia
Distúrbios que bloqueiam o suprimento sanguíneo próximo a uma articulação, como a necrose vascular
Outros tipos de artrite, como gota crônica, pseudogota ou artrite reumatoide
Geralmente, os sintomas da osteoartrite aparecem na meia idade e quase todas as pessoas a têm aos 70 anos. Antes dos 55, a doença ocorre indistintamente em homens e mulheres. Após os 55 anos, ela é mais comum em mulheres.
Sintomas
Os sintomas da osteoartrite incluem:
Dor profunda nas articulações que piora depois de praticar exercícios ou colocar peso sobre elas e que é aliviada com o repouso
Dor que piora ao começar uma atividade depois de um período sem atividades
Com o tempo, a dor permanece mesmo em repouso
Articulações que rangem com o movimento
Aumento da dor durante o clima úmido
Edema da articulação
Movimentos limitados
Fraqueza muscular ao redor das articulações
Algumas pessoas podem ser assintomáticas.
Exames e testes
Foto: ADAM
Osteoartrite
O exame físico pode mostrar:
Movimentação da articulação que pode provocar rangidos
Inchaço das articulações (os ossos ao redor das articulações podem parecer maiores do que o normal)
Amplitude de movimento reduzida
Dor ao pressionar a articulação
Movimento normal que é doloroso geralmente
Não existem exames de sangue que auxiliem no diagnóstico da osteoartrite.
Uma radiografia das articulações afetadas mostrará uma perda do espaço da articulação. Em casos avançados, haverá desgaste das extremidades dos ossos e dos osteófitos.
Tratamento
Os objetivos do tratamento são:
Fortalecer as articulações
Manter ou melhorar o movimento das articulações
Reduzir os efeitos desabilitantes da doença
Aliviar a dor
O tratamento depende das articulações envolvidas.
MEDICAMENTOS
Os analgésicos de venda livre podem ajudar nos sintomas. A maioria dos médicos recomenda primeiro o paracetamol, porque este apresenta menos efeitos colaterais do que outros medicamentos.
Se a dor continuar, seu médico poderá recomendar anti-inflamatórios não esteroides (AINEs). Essas drogas ajudam a aliviar a dor e o inchaço. Alguns tipos de AINEs são a aspirina, o ibuprofeno e o naproxeno.
Entretanto, o uso a longo prazo de AINEs pode causar problemas estomacais, como úlcera e hemorragia. Esses medicamentos também podem aumentar o risco de ataque cardíaco e de AVC.
O medicamento tarjado Celecoxib (um inibidor de COX-2) pode funcionar tão bem quanto outros AINEs. Devido ao risco de ataques cardíacos e de AVC, ele é administrado somente na menor dose possível pelo menor período de tempo.
Os corticoides injetados diretamente na articulação também podem ser usados para reduzir o inchaço e a dor. Entretanto, o alívio dura somente por um curto período.
Muitas pessoas usam remédios de venda livre como a glucosamina e o ácido condroitinossulfúrico. Existem algumas evidências de que esses suplementos podem ajudar a controlar a dor, apesar de aparentemente não estimularem o surgimento de novas cartilagens. Alguns médicos recomendam um período de teste de três meses para verificar a eficácia da glucosamina e condroitina.
A capsaicina (Zostrix) em pomada pode ajudar a aliviar a dor. Você pode ter uma sensação de calor ou de queimação ao aplicar a pomada pela primeira vez. Essa sensação desaparece depois de alguns dias de uso. O alívio da dor normalmente começa a partir de uma ou duas semanas.
Um líquido sinovial artificial (Synvisc, Hyalgan) também pode ser injetado no joelho. Ele pode aliviar a dor por três a 6 meses.
MUDANÇAS NO ESTILO DE VIDA
Os exercícios podem ajudar a manter o movimento geral e das articulações. Peça a seu médico que recomende uma rotina apropriada de exercícios domésticos. Os exercícios aquáticos, como a natação, são especialmente úteis.
Descubra qual atividade física é ideal para você.
Entre outras recomendações sobre estilo de vida estão:
Aplicar frio e calor
Ter uma dieta balanceada e saudável
Repousar
Emagrecer se estiver acima do peso
Proteger as articulações
As pessoas cujo trabalho estiver causando estresse em determinadas articulações devem encontrar formas de reduzir o trauma. Você pode precisar fazer ajustes na área de trabalho ou alterar as tarefas de trabalho.
FISIOTERAPIA
A fisioterapia pode ajudar a fortalecer os músculos e a movimentação de articulações rígidas. Os fisioterapeutas têm técnicas para tratar a osteoartrite. Se você não melhorar com a fisioterapia depois de três a seis semanas, ela provavelmente não funcionará para você.
ÓRTESES
Em alguns casos, as férulas e as órteses podem sustentar articulações fragilizadas. Algumas impedem o movimento da articulação, enquanto outras permitem algum movimento. Use órteses somente quando o uso for recomendado por seu médico ou fisioterapeuta. O uso incorreto de uma órtese pode causar lesões, rigidez e dor na articulação.
CIRURGIA
Os casos graves de osteoartrite podem necessitar de cirurgia para substituir ou reparar as articulações lesionadas.
As opções cirúrgicas abrangem:
Cirurgia artroscópica para remover a cartilagem danificada
Alteração do alinhamento de um osso para aliviar o estresse no osso ou na articulação (osteotomia)
Fusão cirúrgica de ossos, normalmente na coluna (artrodese)
Substituição total ou parcial da articulação danificada por uma articulação artificial (artroplastia de joelho ou de quadril)
Grupos de apoio
Para obter mais informações e apoio, consulte Recursos de artrite.
Evolução (prognóstico)
Seus movimentos podem se tornar bastante limitados. Em geral, o tratamento melhora a função.
Complicações
Reações adversas aos medicamentos usados no tratamento
Redução da capacidade de realizar tarefas cotidianas, como higiene pessoal, tarefas domésticas ou cozinhar
Redução da capacidade de andar
Complicações cirúrgicas
Ligando para seu médico
Consulte um profissional da área da saúde se tiver sintomas de osteoartrite.
Prevenção
A perda de peso pode diminuir o risco de osteoartrite em mulheres com sobrepeso.
Referências
Gregory PJ, Sperry M, Wilson AF. Dietary supplements for osteoarthritis. Am Fam Physician. 2008;77:177-184.
Hunter DJ. In the clinic: Osteoarthritis. Ann Intern Med. 2007;147(3):ITC8-1-ITC8-16.
Todas as doenças