Tratamento de Pancreatite Canina Maceió, Alagoas

Procurando por Tratamento de Pancreatite Canina em Maceió? Encontre aqui endereços e telefones de veterinários, pet shops, lojas e profissionais especializados em Maceió que podem te ajudar a encontrar Tratamento de Pancreatite Canina em sua cidade. Aproveite para conseguir dicas e mais informações sobre Tratamento de Pancreatite Canina com nossos artigos educativos.

Veterinária Quatro Patas
(82) 3328-1999
Avenida Menino Marcelo 9401
Maceió, Alagoas
 
Kennel Veterinária
(82) 3327-9082
Rua Capitão Marinho Falcão 105
Maceió, Alagoas
 
Focinho e Cia
(82) 3221-6998
Rua Formosa 1246
Maceió, Alagoas
 
Clínica Veterinária Mundo Animal
(82) 3344-3204
Avenida Pratagy 696 B
Maceió, Alagoas
 
Cani & Gatti Clínica Veterinária
(82) 3221-3373
Avenida Professor Loureiro 185
Maceió, Alagoas
 
Jéssica Rações
(82) 3324-5853
Tv Vereador Dário Marsíglia 5
Maceió, Alagoas
 
Dog Mania & Cia
(82) 3328-3116
Avenida Menino Marcelo 298
Maceió, Alagoas
 
Clínica Veterinária e Pet Shop Focinhos & Cia
(82) 3337-1760
Rua Capitão Marinho Falcão 552
Maceió, Alagoas
 
Caoveniencias Banho Tosa
(82) 3341-0099
Rua Sargento Nelmont 65
Maceió, Alagoas
 
Clínica Veterinária Animal Amigo
(82) 3357-5117
Avenida Doutor Antônio Gomes de Barros 1176
Maceió, Alagoas
 

Como tratar pancreatite canina

A pancreatite canina é a inflamação do pâncreas em cães. O pâncreas é um órgão em forma de V, localizado no lado direito do abdome, atrás do estômago. O pâncreas é responsável pela produção de enzimas que são necessárias para a digestão dos alimentos, bem como para a produção de insulina. A inflamação do pâncreas é causada por células pancreáticas danificadas que vazam enzimas digestivas. A Pancreatite Canina pode ser tanto aguda, à qual os cães podem sobreviver, quanto crônica, que termina por levar o cachorro, e tem muitas causas, tais como:
Obesidade
Dieta hiperlipídica
A ingestão de grandes quantidades de gorduras, como o presunto
Hiperlipidemia
Uso prolongado de corticóides
Doença de Cushing
Reações a medicamentos
Distúrbio de coagulação do sangue
Trauma
Doença Hepática
Pelo fato de dietas ricas em gordura ou uma refeição ocasional com alimentos ricos em gordura, como presunto, causar a pancreatite canina, os veterinários vêem mais casos durante épocas de festas, quando os cães tendem a receber mais restos das mesas. Os sintomas desta doença são:

Abdome doloroso
Distensão abdominal
Falta de apetite
Depressão
Desidratação
Mudança de postura
Vômitos
Alteração na cor de tecidos vermelhos da boca e dos olhos
Diarréia
Fezes amarelas, gordurosas
Febre
Casos de pancreatite aguda canina também apresentarão:

Arritmia cardíaca
Septicemia
Dificuldade em respirar
Coagulação intravascular disseminada
Inflamação grave dos órgãos perto do pâncreas
Se o seu cão está exibindo qualquer combinação dos sintomas mencionados anteriormente, leve-o ao veterinário. O veterinário vai poder fazer um diagnóstico:

Perguntando ao dono sobre quaisquer sintomas que o cão exibiu recentemente
Realizando um exame físico
Fazendo os testes de laboratório
Fazendo raios-x
Fazendo uma ecografia
Realizando uma biópsia
O tratamento começa depois que o veterinário faz um diagnóstico. Este tratamento é utilizado para permitir ao pâncreas ter uma pausa e descansar. Também deveria controlar eventuais complicações que possam surgir. Os sintomas também devem ser tratados de modo que o cão vai se sentir melhor rapidamente. O tratamento que é dado geralmente inclui:

O cão é mantido sem nada para comer ou beber, incluindo medicação oral, por até 3 dias.
Fluidoterapia para evitar a desidratação e desequilíbrios eletrolíticos é administrada. Isto inclui soluções tais como suplementos de potássio e transfusões de sangue que fornecer proteínas especiais. Estas proteínas inibem as enzimas pancreáticas.
Analgésicos são administrados se o cão está mostrando sinais de dor. Podem ser utilizadas injeções ou gotejamento contínuo.
A náusea é controlada.
Todos os medicamentos anteriores são interrompidos.
Qualquer toxina, infecção ou outra condição (que pode estar causando a pancreatite) será tratada.
A cirurgia é realizada raramente, mas pode ocorrer.

A reintrodução dos alimentos e da água é lenta e em pequenas quantidades de alimento leve, facilmente digerível, de baixo teor de gorduras, tais como a Purina’s Fit&Trim. Esta dieta especial pode ser mantida por uns poucos dias, ou para o resto da vida do cão.

A pancreatite canina pode levar ao Diabetes Mellitus e outras complicações, pode ser leve e causar apenas um dia de dor abdominal, ou pode ser fatal. Ela também pode reaparecer com facilidade, causando mais dor para os cães. A prevenção é a melhor maneira de evitar esta doença.