Veiculos Usados Lauro de Freitas, Bahia

Procurando por Veiculos Usados em Lauro de Freitas? Encontre aqui endereços e telefones de lojas e profissionais especializados em Lauro de Freitas que podem te ajudar a encontrar Veiculos Usados em sua cidade. Aproveite para conseguir dicas e mais informações sobre Veiculos Usados com nossos artigos educativos.

Sempre Novos Veiculos
(71) 3024-2887
Av Santos Dumont, Centro Comercial MM 501, lj 05
Lauro de Freitas, Bahia
 
Almir Veículos
(71) 3288-6059
Praça Matriz 17
Lauro de Freitas, Bahia
 
Marília Transportes de Cargas e Serviços de Auto Ltda
(71) 3296-1873
Avenida Engenheiro Elmo Cerejo Farias 3516
Simões Filho, Bahia
 
Auto Nível
(71) 3314-6965
Avenida Fernandes da Cunha 66
Salvador, Bahia
 
Autosshopping Itapoan
(71) 3311-8000
Avenida Luís Viana Filho 5252
Salvador, Bahia
 
Jcc Veículos
(71) 3378-9510
Avenida Santos Dumont 3257 km 2,5 s 14
Lauro de Freitas, Bahia
 
Carvalho Neto Veículos
(71) 3378-9071
Avenida Santos Dumont 1883 lj 8
Lauro de Freitas, Bahia
 
Maria e D Pestana
(71) 3242-3146
Ladeira Água Brusca 102 A
Salvador, Bahia
 
Mais Veículos Comercial
(71) 3234-1836
Rua Arthur D'Almeida Couto 493 lj B
Salvador, Bahia
 
Bonocar Veículos
(71) 3431-2264
Tv Pinto 1 lj 1
Salvador, Bahia
 

Como reconhecer os melhores carros usados

Poucas pessoas gostam realmente da experiência de comprar um carro usado. Muitas vezes, os compradores se preocupam com o estado mecânico do carro, enquanto outros se atormentam pensando em quanto tempo vai se passar antes que o carro comece a parecer velho. Aja como um profissional quando estiver procurando e examinando um carro usado para comprar, e faça sua próxima compra com confiança. Você não tem que simplesmente dar uma volta no carro e chutar os pneus. Aqui estão algumas coisas em que você deve prestar atenção, na compra de seu próximo carro usado:
Estabelecendo o preço. Antes de você sequer começar a falar (com o vendedor!) sobre o preço de um carro usado, deve ter uma boa idéia com relação ao seu valor. A forma tradicional de estabelecer contabilmente o valor de um bem usado, é partir do valor pelo qual era (ou é) vendido quanto era novo e aplicar uma depreciação; a depreciação é o percentual de redução anual do valor do bem, depois que foi comprado (saiu da loja). Cada bem (um imóvel, uma máquina usada na linha de produção de uma fábrica, um eletrodoméstico, um automóvel, etc) tem os seus percentuais próprios de depreciação, geralmente aplicados (variam um pouco de um estabelecimento para outro, mas são bastante uniformes, consistentes). Você pode pesquisar em 10 ou 12 lugares diferentes os preços praticados para o carro que quer comprar (considere ano de fabricação e modelo), e comparar estes preços com o valor que você mesmo calculou pelo método da depreciação. Esta comparação dará a você uma boa idéia da faixa de valores em que o preço do seu carro deve estar, e é este o critério que você deve ter. Se um carro é oferecido significativamente abaixo do seu valor, você deve ser um pouco mais do que suspeitas quanto à razão pela qual o vendedor está oferecendo um desconto tão “vantajoso”. O vendedor pode estar com pressa de vender o carro, mas também pode estar escondendo uma falha.
Interior. O interior deve apresentar sinais de desgaste apropriados para a idade do carro. Na maioria dos carros o desgaste maior estará no banco do motorista. Fica inteiramente a seu critério quais serão os padrões para interiores. Se você estiver procurando um interior de couro em bom estado, planeje pagar mais por isso.
Fumaça de cigarro. A maioria dos não-fumantes preferem fortemente um carro em que ninguém fumou. Pessoas que sofrem de alergias ou asma também têm muito cuidado sobre isso. Saiba que o carro pode não cheirar a fumo imediatamente, mesmo que pessoas tenham fumado em seu interior. Procure por pequenas coisas como queimaduras de cigarro nos assentos ou nos apoios para os braços. Confira o cinzeiro. Você pode ver alguma sobra de cinzas? Às vezes os vendedores tentam usar desodorizadores ou aromatizadores de ambiente para disfarçar o cheiro de cigarro.
Exterior. Amassados, rachaduras e arranhões. A importância destes itens realmente depende de você. A estética é inteiramente da responsabilidade de cada comprador. Você verá que alguns compradores estão muito interessados no aspecto do carro, talvez até ao ponto de estarem dispostos a sacrificar outros fatores, como estado mecânico.

Por outro lado, inspecione a pintura de perto. É uma repintura? Algumas peças estão embaçadas, ou parecem ser de uma cor diferente das outras partes? Se sim, você pode apostar que o carro provavelmente foi batido.

Outra maneira de saber se um carro foi danificado é olhar cuidadosamente nos locais onde painéis metálicos se alinham. Carros que não foram acidentados não têm grandes lacunas ou ajustamentos muito apertados entre os painéis. As substituições quase nunca são tão boas quanto o original, e eles raramente se alinham tão bem quanto os trabalhos originais de fábrica.
Motor. É difícil determinar o estado do motor sem retirá-lo do carro, mas há algumas coisas que você pode procurar. Olhe em volta da vedação da parte superior, e procure sinais de eventuais vazamentos. Verifique se consegue ver algum vazamento na parte debaixo do carro. Você pode saber que tipo de vazamento está vendo, pela cor do líquido. No verão, não se preocupe se houver fluido debaixo de um carro. Pode ser apenas condensação da unidade de condensação do condicionador de ar.
Se você tem algum tempo, verifique as velas. Você pode saber muito sobre como o motor está funcionando, olhando para as velas. Retire-as e examine-as de perto; procure sinais de superaquecimento, queima de óleo ou ignição falhando.

Pesquise o histórico do carro no DETRAN. O DETRAN tem condições de fornecer um histórico detalhado do carro. Este histórico é importante para você saber se a leitura do odômetro é razoável, e se o carro não foi destruído em algum acidente.
Quando fizer o test drive de um carro usado, observe se sai fumaça do escapamento quando você liga o carro. Ouça se há ruídos irritantes ou repetitivos. Dirija com o rádio desligado! Ouça o motor, e procure ter certeza de que as mudanças de marcha ocorrem sem problemas e no tempo certo. Verifique se todas as janelas e fechaduras funcionam corretamente.
Os bons carros usados vendem-se a si mesmos. Um comerciante ou pessoa com um carro usado, de qualidade e a um preço razoável, não tentarão “empurrar” o carro, ou vendê-lo por um preço excessivo. Em vez disso, os carros usados de qualidade têm vários compradores ansiosos por comprar um carro tão bom.